Repressão na USP??

E fomos surpreendidos novamente...Ou não...
Achei bonito o que aconteceu na USP com a polícia, e como fascista de reputação que sou, resolvi escrever a respeito.
Contexto: As pessoas estavam lá fumando maconha na Usp de SP, a policia abordou, os maconheiros universitários foram apoiar seus amigos, já que eles não acham errado fumar maconha; então jovens exaltados começaram a se acumular, confusão formada, a multidão é sempre imprevisivel e normalmente imbecil.
A polícia segue a lei, mantem a ordem, mesmo que seja teoricamente...

Aquelas crianças da USP na ansia da revolução juvenil querem ser o centro do universo..
Se esquecem então, por um instante, que existe algo chamado lei; que não leva em consideração a SUA opinião do que é certo e do que é errado. Considera sim, a sociedade como um todo. Isso é repressão? É fascismo?? Talvez seja...Mas quem disse que democracia é bom??
Se você acha que fumar maconha é certo ou errado, é irrelevante, ao menos em relação a lei. Os valores morais, sociais, blablabla abstratos e subjetivos blablabla são individuais, já a sociedade é coletiva!! As regras são gerais, não é ideal mas qual seria a alternativa?? Como agradar todo mundo??

Se você não concorda com alguma lei batalhe para mudá-la!!!
Particularmente, acho que tem muita coisa errada na nossa lei, mas minha opinião não é relevante se a sociedade concorda com essas leis que beneficiam bandidos e punem quem cumpre a lei, é a vida, tem muita coisa errada no mundo que é considerada certa!!
Mas......
As pessoas precisam de regras pra viver em sociedade, para que todos convivam sem maiores danos para todos...Afinal a sociedade, lembremos, é composta por todooooosssss.
Inclue-se aí pessoas que são contra e pessoas que são a favor da legalização da maconha!!

Claro que este é um sistema que tem problemas, mas é a opção menos pior no momento. Ou você acha que um campus sem segurança, aonde os assaltantes entram, roubam, matam estupram e saem é uma alternativa melhor??
Já vivemos em uma sociedade caotica e com muita violencia, já somos refens da bandidagem. Será mesmo a solução acabar com a polícia???

Quando eu vejo essas pessoas da USP, que deveriam ser a elite intelectual do nosso país resolvendo as coisas na porrada?? Sem dialogo, sem argumentação, sem tolerância??
É facil entender como pessoas dão facadas umas nas outras em bar por uma pinga de um real!!

Só acho que deveríamos usar essa ansia de mudança para sugerir mudanças e não em criticar quem tenta fazer alguma coisa...

Nenhum comentário: